Incêndio atinge área de preservação da Estação Ecológica de Bauru


Bombeiros trabalham desde o fim da tarde desta quarta-feira (16) para conter as chamas que queimam local que mantém pequena amostra de Mata Atlântica. Incêndio atinge área de preservação da Estação Ecológica de Bauru
Reprodução/Arquivo pessoal
O Corpo de Bombeiros trabalha desde o fim da tarde desta quarta-feira (16) para conter as chamas na Estação Ecológica de Bauru (SP).
O local fica nas proximidades do km 352 da Rodovia Cezário José de Castilho, conhecida como Bauru-Arealva, e é conhecido por preservar uma amostra da Mata Atlântica, a única em uma região devastada por conta da ocupação agropecuária.
Incêndio atinge área de preservação da Estação Ecológica de Bauru. Crédito: Arquivo pessoal
Segundo os bombeiros, o incêndio começou por volta de 18h. Equipes do Departamento de Água e Esgoto (DAE) e de uma usina ajudam nos trabalhos de combate às chamas, espalhadas principalmente pelo tempo seco e pelos ventos. (Veja no vídeo acima)
A Estação Ecológica de Bauru é uma unidade de conservação de proteção integral com área de 287,98 hectares, que foi criada em 1987 com a finalidade de proteção ao ambiente natural, realização de pesquisas básicas e aplicadas, e ao desenvolvimento de programas de educação conservacionista.
Mais fogo na região
A quarta-feira foi marcada por várias ocorrências do tipo no centro-oeste paulista. Casos foram registrados em Tabatinga e em Lins. (Veja no vídeo abaixo)
. Em Tabatinga, um incêndio atingiu uma região de mata próximo ao km 50 da Rodovia Deputado Victor Maida (SP-331). De acordo com os bombeiros, foram aproximadamente 10 mil m² atingidos. O fogo já foi controlado.
Já em Lins, bombeiros trabalharam por cerca de oito horas para controlar as chamas numa área de mata perto do campo de beisebol, na Vila Militar.
Segundo a corporação, a área tem aproximadamente 10 hectares. Ainda não há informações do que causou o incêndio, mas uma grande área foi atingida. Ninguém se feriu.
Fogo atinge áreas de mata em Tabatinga e Lins
Veja mais notícias da região no G1 Bauru e Marília

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui